Cidade

  • Início •
  • Blog

Governo anuncia projeto com reajuste de 7% para as forças de segurança de Sergipe

Da redação

09/07/2024


Foto: Arthur Soares

O governador Fábio Mitidieri anunciou nesta terça-feira, 9, que será enviado à Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe (Alese) um projeto que prevê reajuste salarial de 7% para as forças de segurança do estado a partir de julho deste ano, de forma retroativa. 

O texto, que passará por apreciação dos deputados estaduais, também versa sobre um reajuste de até 7% a partir de agosto de 2025, entre outros benefícios para as categorias.

Ao todo, a medida, se aprovada, deve atingir cerca de 14 mil servidores ativos e inativos do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Científica, Polícia Civil e Polícia Penal de Sergipe. 

Em solenidade com a presença de representantes das categorias e sindicatos, foi formalizada a assinatura do documento. 

Bombeiros, PMs e PCs   

Além do reajuste de 7% em 2024 e mais 7% em 2025, o projeto prevê que os servidores da Polícias Militar e Corpo de Bombeiros de Sergipe terão concessão de novos percentuais de periculosidade anualmente; reajuste de até 7% sobre a Gratificação por Convocação (Besp), a partir de julho 2024; reajuste de 7% sobre o Auxílio-invalidez a partir de julho de 2024; e alteração da fórmula de cálculo da remuneração do soldado-aluno: de 1 salário mínimo vigente para 50% do subsídio do soldado 3°classe. 

Já os agentes e escrivães da Polícia Civil devem ser contemplados, além do acréscimo de 7% em 2024 e 2025, com reajuste de periculosidade em outubro 2024; mudanças de nomenclatura de cargos para oficial investigador de polícia, unificando a carreira; e redução do tempo do interstício para progressão, dos atuais quatro anos para três, a partir de janeiro de 2025; esta última medida válida também para delegados de polícia. 

Para os policiais penais está previsto, além do reajuste comum às demais categorias, a 2ª etapa do enquadramento por tempo de serviço, a partir de novembro de 2025; revisão do valor da IFV, dos atuais R$ 300,00 para R$ 400,00, a partir de outubro de 2025; e instituição do auxílio-fardamento, no valor de R$ 1.200,00 por servidor ao ano, a partir de janeiro de 2025. 

Já para a Polícia Científica da Coordenadoria Geral de Perícias (Cogerp), a proposta prevê a incorporação de parcela da Gapa ao Vencimento; criação de duas novas classes, sem impacto financeiro imediato; destravamento das promoções da carreira; e instituição da promoção automática a cada três anos de efetivo exercício.

Nosso Twitter @portalfanf1

Nosso Instagram @portalfanf1