A greve dos médicos da rede municipal de Aracaju foi suspensa em decisão tomada nesta sexta-feira, 09, durante assembleia da categoria na sede do Sindicato dos Médicos. A retomada ao trabalho foi acertada para segunda-feira, 12.

Durante assembleia que terminou há pouco, os médicos decidiram permanecer mobilizados, enquanto as propostas formuladas à Prefeitura de Aracaju sejam analisadas pelo jurídico da PMA.

Ontem, a secretária municipal de sáude, Waneska Barboza, se reuniu com representantes do Sindimed para discutir um acordo para o retorno aos trabalhos.

Uma das propostas feitas pela SMS foi a compensação de atendimentos deixados de ser realizados durante a greve iniciada no dia 20 de julho.

Ofício Sindimed

Ofício ao prefeito – À tarde, o Sindimed elaborou um ofício e encaminhou ao prefeito Edvaldo Nogueira, ao Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, Ministérios Públicos Federal e Estadual e à Câmara Municipal de Vereadores.

No documento, os médicos oficializam que a greve fora encerrada para não deixar a população desassistida com a falta de perspectiva de acordo com a PMA evidenciada no decorrer da greve. Registra também que não abre mão do reajuste pela tabela única, mas que apenas adia negociação para 2019.