O detento, identificado como Moisés José de Almeida, foi espancando por presidiários do Complexo Penitenciário Advogado Jacintho Filho (Compajaf), na noite desta sexta-feira, 14. O fato só foi divulgado nesta segunda-feira, 17, pela Secretaria de Estado da Justiça (Sejuc) e teria acontecido após uma briga com internos, o que teria gerado tumulto no presídio.

Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria, Moisés levou vários golpes de socos e chutes nas regiões do rosto e abdome. Na noite do ocorrido, o preso foi levado às pressas para o Hospital de Urgências de Sergipe (Huse) em estado grave. Ainda de acordo com a Sejuc o detento continua em situação crítica na UTI do Hospital.

Moisés é natural de Alagoas e está preso desde o ano passado no Compajaf, cumprindo pena por tráfico de drogas, furto qualificado, formação de quadrilha e homicídio. Ele também responde judicialmente a processos nos estados de Alagoas e Pernambuco.

A respeito do espancamento, a Secretaria da Justiça informou que o caso está sendo investigado pelo Departamento do Sistema Prisional (Desipe) e Secretaria de Estado da Segurança Pública de Sergipe.