Milagres, pedidos e agradecimentos marcam os 15 anos da tradicional romaria em Nossa Senhora Aparecida (SE). Do Povoado Queimadas, em Ribeirópolis (SE), até a sede do município que leva o nome da santa, são cerca de 8 km de rodovia estadual que desde 2004, no dia 12 de outubro, se transforma no caminho da fé.

No dia da romaria, a população de cerca de 9 mil habitantes passa para mais de 100 mil, com a presença dos romeiros de várias partes do Nordeste e de outras regiões do Brasil. “Desde a primeira caminhada, quinze anos se passaram, e o pequeno número de fiéis do ano de 2004 se multiplicou em milhares. Estimamos para 2018 uma média de 200 mil pessoas peregrinando pela rodovia rota do sertão, motivados pela fé na Mãe de Jesus e fervorosos em pedir e agradecer as bênçãos recebidas”, destaca o pároco do município, Douglas Gonçalves.

Em 2015, a peregrinação foi reconhecida como patrimônio cultural e imaterial do Estado de Sergipe, através da Lei Estadual nº 63/2015, sendo inclusa no Calendário Festivo de Sergipe.

Impulsionados pelo tema “Em Jesus, com Maria, transformamos a vida”, a paróquia, com o apoio dos moradores do município, promove uma programação especial para receber os devotos, que já começa no dia 3 de outubro com o início do novenário de Nossa Senhora Aparecida.