Como forma de intensificar as ações ligadas à Secretaria de Segurança Pública no Estado, foi firmada nesta quinta-feira, 12, parceria entre os governos de São Paulo e Sergipe por meio do Sistema Detecta – que integra bancos de dados das polícias. Para assinatura do convênio, o governador Belivaldo Chagas (PSD), foi recebido pelo governador de São Paulo, Márcio França (PSB), diversos secretários dos dois estados acompanharam a solenidade.
Sergipe é o primeiro estado a firmar a parceria com o sistema de inteligência do governo de São Paulo. Para o governador de Sergipe, o convênio representa mais eficácia na prevenção do crime no estado. “Esse sistema irá permitir uma maior eficiência na prevenção de crimes e de respostas mais imediatas aos crimes praticados. Com isso, teremos nossas polícias trabalhando de forma mais eficaz e consequentemente iremos aumentar a segurança da nossa população. Quero agradecer, em nome do povo de Sergipe, essa colaboração do governo de São Paulo na melhoria da atuação de inteligência da nossa segurança pública”, disse Belivaldo.
As informações possibilitadas pelo Detecta, a exemplo da identificação facial de pessoas com mandados de prisão, verificação de placas de veículos com restrição de roubos e furtos e informações específicas de banco de dados de instituições serão compartilhadas com as equipes da Polícia Militar e com investigadores da Polícia Civil. Em Sergipe, a tecnologia do Detecta será utilizada no Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) e terá como suporte 84 câmeras de monitoramento em toda a capital.
A tendência é que a rede de câmeras da Prefeitura Municipal de Aracaju também seja utilizada através de um termo de cooperação. O acordo tem vigência até 1º de dezembro de 2018, podendo ser prorrogado por até 60 meses. Essa infraestrutura vai permitir um incremento no monitoramento da vigilância do CFTV-CIOSP e permitirá também a inclusão no sistema de municípios, associações de bairro, entre outros atores da área de segurança pública.