Seis mortos e dois presos, este foi o resultado de uma operação  do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) deflagrada no município de Lagarto (SE) na noite dessa quarta-feira, 4. De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), os mortos e presos faziam parte de  uma quadrilha responsável por roubos e explosões de caixas eletrônicos e planejavam assaltos no município de Simão Dias (SE) esta semana.

A SSP informou que  a quadrilha era chefiada pelo presidiário Fagner do Santos Aquino, conhecido como “Bob Nelson”, que está custodiado no presídio de Paulo Afonso (BA), onde cumpre pena pelo crime de roubo a banco.

De acordo com o diretor do Cope, delegado Dernival Eloi, a quadrilha planejava explodir  agências bancárias de Simão Dias, porém toda preparação do crime estava sendo monitorada pela Polícia Militar (Rondesp e agência de inteligência) da Região Metropolitana de Salvador.

Pistolas, escopetas, material explosivo e um fuzil estão entre os armamentos apreendidos durante a operação,

A SSP informou que os roubos começariam a ser executados na madrugada de terça-feira, dia 2, porém algo deu errado e os criminosos, que estavam em Simão Dias (SE), foram se esconder em uma casa no povoado Açu Velho, em Lagarto.

A SSP concede nesta quinta-feira, 4, uma entrevista coletiva para detalhar a investigação e operação.