Está preso Orlan Alves dos Anjos, 63, padrasto da dupla acusada de executar o taxista Carlos Alberto dos Santos Júnior, no povoado Olhos d’Água, na Barra dos Coqueiros (SE), no último dia 19. Ele foi detido hoje, 2, em diligência da delegada Juliana Alcoforado.

Orlan é padrasto dos executores. Foto: SSP/SE

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-SE), Orlan é taxista e conhecia a vítima. Ele teria atraído Carlos Alberto para o local onde foi executado por Alan e Aldair Bispo dos Santos, com o pretexto de que teria uma arma para a vítima comprar. Foi então que Carlos Alberto se interessou pela compra e se deslocou até o lugar onde seria morto com um tiro na cabeça na presença do enteado de 12 anos.

A delegada deverá passar mais detalhes sobre a prisão amanhã.