(Athila e os pais – foto feita no último domingo, 3, no aeroporto de Aracaju (SE) quando o garoto retornava para o Rio)

O pai e a mãe do atleta Athila Paixão, de 14 anos embarcaram para o Rio de Janeiro na noite dessa sexta-feira, 8. Eles foram acompanhar de perto o difícil trabalho de reconhecimento do corpo do filho. O casal está hospedado em um hotel cedido pelo Flamengo, onde se concentram as famílias das vítimas.

Áthila é uma das 10 vítimas do incêndio que atingiu o Centro de Treinamento do Flamengo na manhã dessa sexta-feira, 8. O garoto morava no Povoado Brasília, em Lagarto (SE) e estava na capital carioca em busca do grande sonho de ser jogador profissional.

Ele fazia parte da equipe de Base do Flamengo desde abril do ano passado.

Segundo o treinador dele, Arielson Bezerra, o garoto esteve neste último final de semana com a família e retornou para o Rio. A notícia da morte dele chegou à família por meio de uma assistente social do clube que ligou por volta das 10h.

Ainda não há previsão para chegada do corpo de Áthila a Sergipe.