Conhecido como Pinto na cidade de Lagarto, região Sul de Sergipe, João Mendonça é apontado como aliado do grupo político do deputado federal, Gustinho Ribeiro. Pinto foi personagem de mais um capítulo envolvendo a crise política do município que detém o sétimo maior PIB do Estado.

Numa gravação em que conversa com uma mulher ainda não identificada oficialmente, Pinto fala sobre a política lagartense. No áudio, ele comenta que se Valmir Monteiro tivesse feito um acordo com Gustinho e entregado cargo a vice-prefeita Hilda Ribeiro, ele não teria sido preso.

A declaração mexeu com os bastidores da política da cidade, que vive uma instabilidade desde a prisão do prefeito Valmir Monteiro em 22 de fevereiro. Além de Valmir foram presos seu genro, Igor Ribeiro e os empresários Joel do Nascimento e Gildo do Pinto, todos acusados de desvio de verbas públicas e lavagem de dinheiro.

Não foi a primeira vez que se falou de interferência de Gustinho. Em entrevistas recentes ao Jornal da Fan, Valmir já havia afirmado ter conhecimento dos fatos.

Valmir afirma ter recebido informações de que Gustinho agiu para tirá-lo da prefeitura

João Nascimento acertou entrevista com o Jornal da Fan, que vai ao ar nessa quinta-feira, 7, mas desistiu informando ter sido orientado por seus advogados a não se pronunciar sobre o assunto. O deputado federal Gustinho Ribeiro não respondeu aos contatos do Fan F1.

Ouça o trecho da ligação em que João faz a análise de como Valmir poderia ter evitado a prisão.