A vice-prefeita de Aracaju, Eliane Aquino (PT) parece não ter perdido a tranquilidade após todos os boatos e publicações que sucederam a reunião coordenada pelo governador Belivaldo Chagas (PSD) e os partidos aliados, na noite dessa segunda-feira, 14. Para Eliane, só existe uma garantia entre tantas especulações. “Independente de qualquer cargo, estarei apoiando Belivaldo”, garantiu.

“Nenhum contato. Ele está no interior desde cedo”, afirmou a petista quando questionada se houve alguma conversa com Belivaldo Chagas  desde a noite da segunda-feira. Quanto aos boatos de que sua presença na chapa majoritária não seria uma indicação do PT, a vice-prefeita disse. “Não serei escolha externa do PT, qualquer decisão será com o PT”.

Aquino não quis revelar se está com a resposta pronta para o convite que poderá receber do agrupamento governista, para ser vice de Belivaldo. “Cada dia com sua agonia”, afirmou. Sobre a possibilidade de o PT sair do agrupamento governista, Eliane informa achar muito difícil o PT não apoiar Belivaldo.

Rogério Carvalho – Em nota distribuída por meio das redes sociais, o presidente do PT em Sergipe desmente publicação em que teria afirmado que a indicação de Eliane não teria o aval do PT. Diz a nota: “O presidente Rogério Carvalho não deu nenhuma declaração à imprensa sobre a indicação de Eliane Aquino a vice-governadora na chapa encabeçada por Belivaldo Chagas. O PT de Sergipe entende que alguns partidos aliados reconhecem a importância do Partido dos Trabalhadores na construção deste projeto político, e por isso apostam na possibilidade de Eliane compor a chapa majoritária”.