Os sócios da empresa JLM, Joel do Nascimento Cruz e Gildo Pinto dos Santos se entregaram hoje de manhã à polícia. Eles estavam foragidos desde sexta-feira, 22, quando foi deflagrada a Operação Leak pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado – GAECO.

Os empresários se entregaram no Departamento de Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap), que tem por finalidade o combate aos crimes de corrupção em Sergipe.

Joel e Gildo prestaram depoimento ao promotor de justiça Bruno Melo e de lá seguiram para o Instituto Médico Legal (IML) a fim de fazer o exame de corpo de delito.Em seguida, serão encaminhados ao sistema prisional e por não terem nível superior, não seguirão para o Presídio Militar.

A Operação investiga desvios de verbas públicas do Matadouro Municipal de Lagarto e à prática do crime de lavagem de dinheiro pelo prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro e demais investigados.

Valmir Monteiro e o genro dele, Igor Ribeiro Costa Aragão, já estão presos. Os dois se apresentaram na sexta-feira, 22.