O deputado federal João Daniel (PT), em entrevista ao radialista Narcizo Machado Jornal da Fan na manhã desta segunda-feira, 25, afirmou que parlamentares, e entidades de classe permanecerão mobilizados até que hibernação da Fabrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen) da Petrobras em Laranjeiras (SE) seja revertida.

Várias ações já foram realizadas nos últimos meses nessa mesma tentativa, mas todas elas sem sucesso. Acontece na manhã de hoje na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) desde 9h uma audiência pública, com a participação do ex-presidente da Petrobras, Sérgio Gabrielli. De acordo com o João Daniel, o encontro tem a proposta de formar uma força de organização e cobrança.

“Com a hibernação da Fefen é certo que teremos enormes prejuízos, isto já vem sendo dito há muito tempo, espero que haja sensibilização por parte da estatal e que mude este quadro”, apelou.

Entenda o caso 

Em março de 2018, a Petrobras anunciou a decisão de encerrar as atividades das fábricas de fertilizantes, alegando prejuízos na operação e planos de vender ativos do setor. Mas em outubro passado, após um decisão da justiça, a petrolífera decidiu postergar para 31 de janeiro de 2019 a hibernação das fábricas de fertilizantes de Sergipe e Bahia.

Reforma da Previdência

Durante a entrevista João Daniel ainda reforçou que irá atuar contra a Reforma da Previdência proposta pelo Governo Federal e criticou práticas adotadas por Bolsonaro. “Está denunciado em toda imprensa que o ministro-chefe da Casa Civil Onix Lorenzoni oferece dinheiro para deputados para conseguir a aprovação da reforma, quando o próprio Bolsonaro em sua campanha se propunha a fazer um governo em um formato bem diferente”, apontou.