Filiação partidária, articulação política dentro da gestão e aliança com o PT, todos estes assuntos foram abordados pelo prefeito de Aracaju Edvaldo Nogueira (PC do B) em entrevista ao radialista Narcizo Machado, durante o Jornal da Fan desta sexta-feira, 3.

Sobre a especulação da sua filiação ao PDT, Edvaldo voltou a dizer que não há nada definido, mas agora além das conversas com o presidente estadual do partido, Fábio Henrique, Edvaldo já está em contato com o presidente nacional Carlos Lupi. “Eu já conversei duas vezes com ele por telefone, já agendamos um encontro presencial e depois que isto acontecer, eu convoco uma entrevista coletiva para informar sobre o que tratamos. Não tenho problemas com isto. Quero fazer tudo com muita transparência. Estou no PC do B há 38 anos. Deixarei o partido na hora certa e com o conhecimento de todos”, afirmou.

Articulação Política 

No começo deste ano Edvaldo iniciou uma reforma administrativa em sua gestão. Ainda não passaram por mudanças no comando a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Procuradoria do Município. Questionado se o nome escolhido para ocupar a Sema seria uma indicação do deputado federal Laércio Oliveira, Edvaldo disse que o nome não foi definido e que as conversas para definir quem será o novo secretário estão sendo mantidas com todos os aliados. “Estou adotando a mesma estratégia do meu primeiro mandato. Participam do Governo partidos e aliados políticos, isso é natural, mas  as indicações precisam ser técnicas”, pontuou.

Edvaldo ainda destacou que Laércio Oliveira é um parceiro da prefeitura e que tem ajudado a gestão.

Aliança

Sobre as eleições municipais em 2020, o prefeito declarou que não é sua prioridade no momento. ‘Sou prefeito da cidade, preciso trabalhar para que os recursos cheguem, independente de partido”, a declaração foi dada em resposta às declarações da ex-deputada Ana Lúcia (PT) em entrevista também ao Jornal da Fan na última terça-feira, 3. 

Edvaldo finalizou dizendo que sua aliança com o PT está estabelecida desde 1989 e que não acredita e rompimento agora.