A Defesa Civil notificou o comando da Polícia Militar a desativar as instalações dos policiamentos da capital e do interior, ambos funcionando no quartel do Comando-Geral, na rua Itabaianinha. Pelo menos 20 policiais trabalham no local condenado, segundo uma fonte da PM.

O pedido de inspeção partiu da Associação de Militares de Sergipe (Amese) que foi feita no último dia 28. Na notificação, a Defesa Civil informa que já havia notificado a Polícia Militar a desativar parte do Quartel do Comando Geral, num Relatório Técnico de Vistoria nº 17 datado do ano de 2017.

Na notificação datada desta quinta-feira, 14, a Defesa Civil, determina também a sinalização da desativação, de modo a impedir o acesso à edificação.Segundo a diretoria da Amese, as instalações do CPMC – Comando do Policiamento Militar da Capital  – já foram  desativadas e sinalizadas.

O auditório da PM também está interditado.

Ninguém da Polícia Militar foi encontrado para falar sobre o assunto.

O prédio do comando geral da PM foi construído no início do século passado (1914). É tombado pelo Patrimônio Histórico do Estado desde o ano de 2000.