A Polícia Civil de Sergipe investiga o assassinato da jovem identificada como Monaliza Pereira Cardoso de 21 anos. O corpo dela foi encontrado em um barraco no Loteamento Nova Liberdade III na Zona Oeste de Aracaju (SE) na noite da terça-feira passada, 29, com as mãos e os pés amarrados, além de vários sinas de tortura, segundo a polícia.

A família de Monaliza soube da morte dela apenas na quarta feira, 30, à noite. O corpo dela foi sepultado na tarde da quinta-feira, 31, no Cemitério São João Batista, em Aracaju (SE).

Para mãe da jovem, a autônoma Rosa Maria Pereira, não há dúvidas sobre a autoria do homicídio. “Eu sei quem foi e a polícia já foi informada. Minha filha já vinha sendo ameaçada. Tudo isso por conta das drogas. Eu dei muito conselho, mas não teve jeito”, lamentou.

Monaliza deixou duas filhas gêmeas de dois anos, que continuarão sob os cuidados da avó.