Desde a madrugada desta quarta-feira, 13, o corpo da cantora Deise Cipriano está sendo velado na Assembleia Legislativa de São Paulo. Ela morreu aos 39 anos, vítima de complicações de um câncer no fígado, diagnosticado em agosto de 2018.

Integrante do Fat Family, Deise Cipriano morreu aos 39 anos de complicações de um câncer no fígado, descoberto em agosto de 2018/ Foto: Terra

Simony, Talita, filha de Deise Cipriano, e Kátia, irmã dela. Com o Fat Family, cantora lançou quatro discos entre o fim dos anos 1990 e começo da década de 2000/ Foto: Terra

Amigos e familiares chegam a todo momento para se despedir da dona de uma das maiores vozes do país.  Amiga de Deise, a cantora Simony acompanhou toda a luta dela contra a doença e estava inconsolável. “Ela tinha a voz mais linda que já ouvi, uma voz inigualável que não teve seu devido valor porque hoje o dinheiro manda mais que o talento”, afirmou Simony, que não conteve as lágrimas durante o velório.

No início da cerimônia, parentes, amigos e fãs se reuniram em uma oração. Deise que havia sido internada na véspera de sua morte será enterrada no Cemitério Vale dos Reis no final desta tarde.

Relembre carreira de Deise, uma das integrantes do Fat Family

Deise Cipriano

Foi no final dos anos 1990, que o grupo estourou nas paradas de sucesso com a música “Jeito Sexy”. Depois, gravaram outros hits como “Gulosa”, “Fim de Tarde” e “Eu não Vou”. Foram quatro discos lançados entre 1998 e 2003 e algumas canções virando tema de novelas como “Andando Nas Nuvens” (1999). Treze anos mais tarde, voltaram a gravar, com “Mexe Esse Pescoço Aí” após se dedicarem à música gospel.

No ano passado, Deise foi uma das famosas a integrar o time de 100 jurados da competição musical “Canta Comigo”, na Record, apresentada por Gugu Liberato. “Que tristeza. Descanse em paz querida Deise”, desejou o apresentador em rede social.

Fonte: Terra

Veja o vídeo de um das apresentações de Deise no Programa Raul Gil, cantando um dos maiores sucessos da sua carreira: