Foram apenas vinte minutos de chuva forte, mas o suficiente para provocar alagamentos em ruas centrais e isolar salas do Grupamento Tático Motorizado de Itabaiana, município da região Agreste de Sergipe, ontem, 17, por volta das 15h30.

Parte do teto de gesso do Getam cedeu. Foto: Redes sociais

O temporal alagou ruas centrais, que têm históricos de alagamentos, como as Antônio Dutra e Espiridião Noronha, na região do mercado público. Lojas que ficam nas proximidades contabilizaram os prejuízos.

Parte do teto de gesso do Getam desabou em consequência da chuva, que invadiu o estacionamento e algumas salas.

Segundo o Getam de Itabaiana, o proprietário do imóvel esteve no local e se comprometeu a iniciar a obra até o final da semana. A sala foi isolada, e os serviços foram transferidos para outro cômodo, segundo o comandante do Getam de Itabaiana, tenente Guedes, sem risco para os militares.

Hoje, o sol e o calor voltaram ao município serrano.

Matéria atualizada às 15h20 para inserir explicações do comando do comando do Getam de Itabaiana