Diante do impasse entre o Governo do Estado e o proprietário responsável pela empresa que construiu a Carreta do Câncer, deputadas estaduais de Sergipe agora entrarão na discussão para tentar apresentar uma solução ao problema.

Em entrevista ao Jornal da Fan na manhã desta quinta-feira, 7, as deputadas Kitty Lima (Rede) e Maria Mendonça (PSDB) apresentaram os encaminhamentos que irão adotar.

Maria Mendonça disse que na manhã de hoje se reunirá com o secretário de estado da Casa Civil, José Carlos Felizola, e que só amanhã poderá apontar quais os resultados desse encontro.

Já Kitty Lima, informou que convocará hoje os deputados de oposição para avaliar quais medidas podem ser tomadas a fim colocar a Carreta do Câncer em funcionamento o mais rápido possível.

Entenda o caso

A “Carreta do Câncer” é um equipamento usado para realização de exames e diagnósticos do câncer.

O veículo, no valor de R$ 2.709 milhões, está pronto e inspecionado desde junho do ano passado, mas o Governo diz que não tem dinheiro para pagar à vista e que precisa receber primeiro o veículo para efetuar o pagamento, já o dono não aceita receber parcelado e diz que só entrega a carreta depois que receber o dinheiro.