A bandeira tarifária em março será verde, sem custo para os consumidores, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

De acordo com a Aneel, apesar do período úmido de 2019 ter tido pouca ocorrência de chuvas em janeiro, o nível de produção da energia hidrelétrica no país ainda se mantém elevado, contribuindo para um nível do risco hidrológico (GSF) em patamar que garante a manutenção da bandeira verde, mesmo com PLDs elevados nas regiões sudeste, centro-oeste e sul. O GSF e o PLD são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada.

Criado pela Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O funcionamento das bandeiras tarifárias é : as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.