O advogado Jarbas Feitoza de Carvalho Filho, de 33 anos, foi morto com vários tiros na cidade de Aquidabã (SE) nesta segunda-feira, 11, por volta do meio-dia, onde morava e exercia a função de procurador jurídico do município. Ele era casado e deixa três filhos.

Jarbinha, como era conhecido, deixa três filhos. Foto: Fan F1

A polícia ainda não tem mais informações a respeito da autoria do crime, mas segundo informações preliminares ele pilotava a moto dele nas proximidades de um loteamento conhecido como “Pepeta”, na zona rural de Aquidabã, quando foi atingido por vários tiros. Jarbinha, como era conhecido, ainda foi levado ao hospital de Aquidabã, mas não resistiu e morreu.

Jarbas Feitoza era natural de Serra Talhada (PE), mas morava em Aquidabã.

Atualizado às 14h37 para retificar a função da vítima