A delegada Thereza Simony, diretora do Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), informou que um oitavo envolvido no homicídio de Clodoaldo dos Santos, conhecido como Barriga, se entregou à polícia no dia 2 de abril. O homem foi identificado como Everton César Bonfim Santos, de 66 anos. Ainda segundo a delegada, homem sabia que tinha um mandado de prisão contra ele e decidiu se apresentar à polícia

Todos os acusados de envolvimento no crime foram indiciados por homicídio doloso, quando há a intenção de matar. O grupo criminoso envolvido na morte do líder comunitário foi preso em fevereiro deste ano, três dos envolvidos pertenciam a um sindicato em Sergipe.

Barriga, foi morto em dezembro do ano passado. A vítima era participante ativa das discussões para a contratação de mão de obra local na construção da Usina Termoelétrica Porto de Sergipe, e segundo a família isso teria desagradado algumas pessoas e provocado o crime.

Na última sexta-feira, sete pessoas foram presas por envolvimento na morte de Barriga, entre eles, o presidente do Sindimont e dois assessores dele.